Mercado Xique Blog

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Novos tempos : Visagismo - método Philip Hallawell


Olá gente! A linda Bele me convidou para fazer algumas postagens no blog e cá estou eu. Bem, antes de tuuudoo que virá por aqui, vou falar só um tico de mim. Meu nome é Valéria Mota, sou formada em psicologia, mas como diz um trecho da música “um belo dia resolvi mudar..” e descobri o que queria fazer (mas nada de arrependimento, pois a psicologia só agregou e agrega sempre). Fiz curso de maquiagem, sou visagista formada pelo Centro de visagismo Philip Hallawell, design de sobrancelhas, Hair designer e ainda tenho muita coisa para aprender.

Hoje vamos falar sobre visagismo! Você já ouviu falar? Ahh ouviu que é o melhor design de sobrancelhas ou corte de cabelo para o formato do seu rosto? Então, não é nada disso! Visagismo trata de IDENTIDADE! Isso mesmo! Mais adiante vocês irão entender melhor. Vamos lá?

Quem hoje gosta de ser igual a todos? Quem não gosta de ser reconhecido por algo particular e único? Quanto mais o tempo passa, mais as pessoas desejam algo particular e criativo. Aos poucos o padronizado vai perdendo força e o personalizado passa a ser mais admirado e desejado. Queremos identidade!

O Visagismo é justamente a arte de criar um estilo pessoal e o domínio dos seus conceitos e técnicas possibilita a customização da imagem de cada cliente. Ele promove o encontro do seu interior com o exterior. É olhar-se no espelho e reconhecer-se naquela imagem. É poder ver-se e saber que “esse sou eu”.

Ao pensar em alguém nesse momento, a primeira coisa que virá a sua mente é o rosto dessa pessoa e depois, quem sabe, as outras partes do corpo e gestos. Nosso rosto é a nossa identidade. É olhando para ele que reconhecemos os outros e a nós mesmos.


Sabe quando você faz uma mudança e não gosta, porém muitas pessoas te dizem que está incrível, mas você insiste em se olhar no espelho e não consegue ter a mesma opinião e pensa que podem estar falando isso só por educação? Pois é, mas muitas vezes os outros realmente acreditam que a transformação foi positiva. O ponto é: Muitas coisas podem ficar bem em você, mas não será com todas que iremos nos identificar. Isso porque temos o nosso temperamento, nossa personalidade e a estética simplesmente não é o suficiente para suprir a necessidade de uma imagem adequada.

Beleza é criada quando o conceito transmite as qualidades da pessoa - força, criatividade, dinamismo, meiguice ou autocontrole, por exemplo - e quando a forma valoriza as características físicas positivas, expressa harmonia e é criada de acordo com os princípios de estética.

Quando a imagem, através das sensações provocadas pelos elementos visuais, expressa qualidades admiráveis, como dinamismo, liderança, criatividade, suavidade, ou sensualidade, provoca atração. Isso dependerá dos conceitos e valores das pessoas que a estão vendo. Por isso a percepção do belo não é absoluta e "está nos olhos do espectador".

Toda imagem expressa conceitos, sensações e emoções. Olhamos para alguém e temos alguma impressão, mas não sabemos explicar com precisão o porquê. A imagem de uma pessoa é constituída pelo seu formato de rosto, suas feições, sua cor de pele, seu corte de cabelo, penteado, coloração, sua maquilagem, adornos e, no caso dos homens, seus pêlos faciais. Com base nessas informações, transmitimos para os outros e para nós mesmos quem somos.


Após a análise do temperamento através das linhas, formas e cor da pele, o profissional visagista irá conversar com o cliente sobre seu trabalho, suas necessidades, seu estilo de vida, seus desejos. Todas essas informações em conjunto com a mensagem que deseja expressar através da imagem são as ferramentas que irão transformar essa intenção em algo concreto e que irá proporcionar maiores benefícios nos seus relacionamentos, levantar sua autoestima e criar bem-estar em geral. Quando se pensa primeiro na função, esta determinará como a imagem deve ser criada, para ser adequada, sem deixar de ser bela.

Podemos usar o visagismo em diversas áreas como nas artes, arquitetura e design de interiores, literatura, moda, comércio de roupas e de cosméticos, produção de moda, criação de moda, publicidade e marketing, medicina estética e cirurgia plástica, fonoaudiologia, psicologia, odontologia, educação, esportes e negócios. Esses são alguns exemplos, mas seus conceitos podem ser aproveitados em tantas outras ainda. E é claro que não poderia ficar de fora a consultoria de imagem pessoal e pensando nisso mostro aqui uma parte da mudança que fiz na adequação da minha imagem, meu cabelo! :)



E aí? Deu para entender? Qualquer dúvida ou comentário é só falar que estamos aqui para isso!!!!!! :)

Beijo no coração de todos vocês! :*

Aqui vou deixar algumas informações sobre o Philip Hallawell: Nasceu em São Paulo em 1951 e teve sua formação na Inglaterra, e Haverford College, EUA. Artista plástico de renome internacional, com mais de 50 exposições, e arte educador desde 1983, apresentou e criou a Oficina de Desenho no programa Revistinha (TV Cultura, 1989-1991) e a série À Mão Livre - A Linguagem do Desenho (TV Cultura, 1994-2002). Autor dos livros da série À Mão Livre (Ed. Melhoramentos), Visagismo: harmonia e estética (SENAC SP, 2003) e Visagismo Integrado: identidade, estilo e beleza (SENAC SP, 2009), dirige, com sua esposa Sonia, o Centro de Visagismo Philip Hallawell, e é conferencista muito requisitado nas áreas de beleza, estética e artes. Atualmente reside em Itu, SP.

Referência: www.visagismo.com.br

Imagem: Studio Liz; Centro de Visagismo Philip Hallawell



 

sexta-feira, 11 de julho de 2014

5ª Feirinha da Gambiarra!

Esse é um dos projetos (sim, esse é o projeto) que tenho mais amor em fazer. A Feirinha da Gambiarra é feita com o mesmo amor que rola no dia dela, com pessoas que vem pra rua conhecer gente nova, trocar ideia, comprar coisas feitas por gente criativa, ouvir uma música boa. Tem como não existir uma boa energia assim? 

Pois bem, chegamos à 5ª Feirinha com a mesma energia, e as inscrições para quem quer expor já estão rolando... como fazer? É só vir até o Mercado Xique/Intera (Rua Riachuelo, 970, bairro São José, exatamente onde acontece a Feirinha), preencher a ficha de inscrição e fazer o pagamento da taxa de R$120,00. Essa taxa já inclui a barraquinha padronizada, aquela que todo mundo conhece.

Todo mundo me pergunta que tipo de produto pode ser vendido? 
 Tudo que seja criativo e não necessariamente feito à mão, artesanalmente, sabe? Artigos criativos, quadros, pôsteres originais, discos, camisetas, uma marca de roupas criadas por você, artigos de papelaria, decoração, antiguidades, acessórios garimpados, comidinhas, artesanato e por aí vai... o importante é ser criativo! 





Aqui estão as artes pra quem quiser roubar e divulgar muitooo! (essa é a arte das inscrições para expositores!). Pode roubar à vontade e colocar no facebook e Instagram ;)

Se ainda assim restou dúvida é só deixar recado aqui, mandar mensagem no formulário aí do lado ou ligar nos números aqui ó: 79 3021-4188 ou 9930-9404

Até lá e boa sorte aos expositores! :)



terça-feira, 8 de julho de 2014

Meu mar pra ti: dança, amor e música ao longe...





Quero sair daqui e ficar aqui
Quero que me leve na mala
E cante pro mundo, sem fala
Que no fim, não fala pra mim.

Quero que deseje sempre voltar
E na verdade, queria que nunca saísse de mim.
Que dor e alegria saber que vai pro lá
E que no fundo está sem mim.

E eu, aqui só e dançando as águas
Que caem dos olhos doces e incansáveis
Que te aplaudem e que saltam
Dos olhos, o mar, sem fim.

Meu mar pra ti.
Isabele Ribeiro, Aracaju-SE, 17 de setembro de 2013.
(Achei essas palavras aqui, organizando as coisas qualquer dia...) 





  















Criação e produção: Isabele Ribeiro e Franklin Maimone
Fotografia: Franklin Maimone
Look: jardineira jeans Zara, blusa FarmRio, acessórios Mercado Xique, brinco Bela Prata.

Me contem o que acharam aqui nos comentários e vamos nos falando por aqui também ó ---> é só preencher o formulário aqui do lado pra gente se falar mais :)
#amomuitotudoisso 

Beijos, beijos!!
Bele.

Fazendo em casa: customizando garrafinhas rústicas!

Engraçado como esses dias me deu vontade de fazer coisinhas manuais, como eu não fazia há tempos! Como tenho muitas garrafinhas de vidro em casa (cerveja, vinho e até frascos de perfume) resolvi customizar algumas de um jeito que eu acho bem charmoso e tenho visto bastante em festas e tô adorando usar nas decorações que faço. 

Tentei tirar fotos pra vocês verem o passo a passo. Você vai precisar de pouquíssimo material: rolinho de fio de juta fininho, tesoura, cola de silicone líquido (aqui em Aju, comprei no Armarinho Mundial, no centro, e não é tão baratinha assim) e uma garrafinha de vidro.



1) Comece de baixo! Vá passando um pouquinho de cola (meio centímetro) no sentido que está enrolando o fio e vá passando cola gradativamente. Não dá pra passar muito porque ela seca super rápido! 




2) Vá subindo e apertando, juntando pra baixo pra que não fique nenhum espacinho entre os fios...  



3) Seja feliz! Hehe pegue uma rosinha do jardim e coloque na sua garrafinha nova pra enfeitar a mesa do almoço, fica um charme! O mais legal também é compor com outros tipos de garrafinhas... coloridas, com outras colagens, etc. Se jogue! O que mais gosto é de saber que cada dia as pessoas gostam de decorar as coisas do jeito que quiserem, com um tiquinho só de bom senso e uma dose generosa de poucas regras ;)


Vejam aqui os jeitinhos de usar garrafinhas nas decorações (lindas) de festas, com aquele frescor de jeitinho simples de comemorar (que eu adoro!): 





E aí, gostaram desse formato de postagem? Se sim, vou tentando fazer mais coisinhas assim pra vocês :)
Milhões de beijos!!
Bele.

Vitrine

Mercado Xique Blog

www.mercadoxiqueblog.com | Copyright - Todos os direitos reservados | All rights reserved

Join Us