Mercado Xique Blog

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Look do dia ou sobre como viver um filme, lindo e louco









Casaquinho: Rosa Chá
Macaquinho: Toli
Sapato: Arezzo

Fotos: Karly Marques

Criei uma revista aos oito anos que mudou a minha vida

Tava com uma saudade danaaaaada de vir aqui, aff! E hoje trago um vídeo falando sobre uma coisinha que tava guardada naquela caixinha de lembranças que fica na prateleria láá em cima, na casa da mãe, sabe? Quando revirei e encontrei, não podia deixar de passar aqui pra contar sobre ela ou sobre como uma revista chamada (uau!) Pop Brasil, rsrs, mudou a minha vida e a minha percepção sobre tudo até hoje. 

Resumindo, quando era pequena ganhei asas que me fazem voar até hoje para onde eu quiser e me sinto muito grata por isso. Sei que nem todo mundo teve a mesma sorte de ter pais assim do lado, então sabia que precisava falar sobre isso e alertar sobre a importância de deixar que o outro crie, sem medo, sem vergolha do olhar do outro...e é uma delícia! 




Espero que gostem! Comentem e curtam lá pra eu saber o que acharam! 
Beijo enorme nessa última semaninha do ano :) 
Bele

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Nova marca pra ficar de olho: Lemonade Club!

Quem me acompanha sabe o quanto admiro o trabalho de Anne Pacheco, uma fotógrafa danada daqui de Aracaju: talentosa pra caramba, de uma delicadeza incrível sempre (tipo, sempre) e o melhor, super inquieta-empreendedora! Pra completar o combo de danadice (parafraseando a eterna diva do Snapchat) ela acaba de criar sua marca de roupa: a Lemonade Club!
 



Escolhi esses dois looks pra mostrar pra vocês um pouquinho de quanta peça linda e confortável tem por lá, sério. Sai babando muito mesmo! O primeiro look tem camisetão cinza e saia lápis de courinho com uma fenda pra dar aquele negócio: tô de camisetão, mas sou sexy, veja só... kkkk Anota aí os truques: amarrar o blusão, bolsa super divertida da Ilustramor e saltão stiletto, da Schutz. 

O outro look, oremos: esse macacão maravilhoso que faal por si só! O mesmo sapato, uma jaquetinha jeans bordada (depois mostro melhor pra vocês!) e o mesmo sapato. Ah, vi que lá tem um em azul também e tô amando usar esses comprimentos mais midi, sabe? A dica: vai bem com um tênis branco também pra usar no dia a dia (meu atual vício, se deixar, vou de tênis até pra festa de casamento). 


 

 Espero que tenham gostado dos looks e das dicas, teremos mais... hehe A paixão foi grande. Ah, já tá sabendo da novidade? Criei uma página no facebook só pra dividir com vocês mais e mais inspirações, sigam lá: Isabele Ribeiro.

Acessórios: Ilustramor
Roupas: Lemonade Club
Sapato: Schutz

Mil beijos,
Bele. 

domingo, 2 de outubro de 2016

Como pintar o cabelo de azul/verde com Michele Brito, da Ilustramor

Tá afim de pintar o cabelo de verde/azul/rosa ou todas as cores ao mesmo tempo? Pare um pouquinho e se inspire no bate papo que tive na casa de Michele Brito, criadora da marca Ilustramor de... resumindo, itens fofos, muito fofos! O processo basicamente foi: descolorir o cabelo (ela fez isso no salão), misturar a tinta da Manic Panic com condicionador da Garnier e pimba: cabelo azul/verde (será eu eu sou daltônica?). 

O antes dela com o cabelo rosa:


E aqui a mudança que acompanhei de pertinho e quis levar vocês junto comigo:



O tom dela é o Mermaid e ela passou um pouco mais depois pra ficar ainda mais azul e ficou assim ó:



Alojinha que elacomprou foi a Glitter Bazaar! 

Espero que gostem do vídeo (curtam e se inscrevam lá no canal!) e acompanhem as novidades que estão vindo... Agora tem uma fanpage só nossa pra compartilhar essa e outras inspirações, tá?
Clica aqui:

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Recebidinhos do mês de Agosto!



Ilustração do Lucas Oliveira: @lcsoliv
Bolsa de concha da Ilustramor: @ilustramor
Top da Jogê: @jogearacaju
Colar da Urban 22: @lojaurban22
Roupas da Toli: @toliaracaju
Sapatos da Arezzo: @arezzoaracaju

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Desafio: meus looks olímpicos na Farfetch!

A Farfetch, um site que vende as maiores marcas de luxo do mundo (uou!), me desafiou a escolher três looks para comemorar as Olimpíadas Rio 2016! Os temas são: look ouro (pra ir pra balada), look prata (passeio no fim de semana) e look bronze (pra assistir os jogos). Então aí vai: 

Look bronze: pra assistir os jogos escolhi peças super confortáveis e encontrei peças exatamente do jeitinho que gosto (é muita opção no site, cruzes!): macacão tipo moletom (Loveless), cardigã longo de tricô na mesma cor (John John), tênis branco (Michael Kors), óculos espelhado modelo Gatsby (Ray ban) e uma bolsa do modelo Sac de Jour laranjona como ponto de cor (Saint Laurent).    


  Look prata: pra passeio no fim de semana também consegui achar um meega confortável! Macacão (já perceberam que eu amo, né?) da Helmut Lang, óculos Ray Ban, bolsa Chloé no modelo hudson, com barbicacho e nesse cor linda e sapatico tipo um mocassim de couro num tom bem claro, Marsèll-Tassinari.

Look ouro: pra badalação. Vejam, minha badalação deve ser ir à um show ou algo assim, rs, então escolhi um vestido godê da Chloé, argolas da Aurelie Bidermann (ando meio na vontade de argolhas, quem também?), bolsinha liiiinda com flores, da Fendi, bota exatamente do modelo que amo da Saint Laurent e anelzinho da Bidermann também. 

   Um beijo pro pessoal da Farfetch pelo convite e espero que vocês tenham curtido as escolhas! Servem de inspiração sempre, amei fazer.
Beijos!
Bele. 

terça-feira, 12 de julho de 2016

Vlog no Rio São Francisco - Expedição Voga em Piranhas e Entremontes- AL

Dessa vez vocês vão me acompanhar num vlog que fiz na Expedição Voga, projeto da Coutto Orchestra que levou toda a equipe que está construindo o novo disco da banda para conhecer e criar tudo à vera, nos povoados ribeirinhos do apaixonante Rio São Francisco. 




Já digo que foi uma das experiências mais incríveis da minha vida e deixo aqui um pedacinho dela, na minha passagem por Piranhas e Entremontes, em Alagoas e um pouquinho de como está sendo a construção do figurino e cenografia do Voga, que assino junto com o João Hungria. 

Ps.: Sorry pelos errinhos de áudio, rsrs. Ainda aprendendo a editar! 

domingo, 10 de julho de 2016

Receita rápida e fácil: brigadeiro de Oreo



Dessa vez fui aprontar na cozinha fazendo uma coisa que eu AMO: brigadeiro! E pra aproveitar essa moda de Oreo, aprendi e tentei mostrar como eu faço aqui:

Ps.: Eu não sou cozinheira, tá? Só apronto na cozinha mesmo, rs.

Ingredientes:

1 colher (sobremesa) de manteiga
1 caixa/lata de leite condensado
1 pacote de Oreo (esse tinha recheio de chocolate)


Se alguém por aí fizer diferente, vai dando as dicas aqui nos comentários! :)

Beijos, 
Bele. 

O figurino (e outras coisas lindas) do filme "Como eu era antes de você"

Quem me acompanha aqui no blog sabe o quanto eu amo assistir um filme e me deliciar com o figurino, cores e detalhes, né? Amo como tudo isso leva os nossos olhos e sensações à história e aos personagens... e, sem perceber, já estamos lá, entre Will e Louise, de Como eu era antes de você. O filme que me fez ficar com medo de ver tanta gente soluçando na sala (fiquei impressionada, sério!), que me fez rir sozinha no cinema e que me fez pirar com o figurino incrível da personagem de Emilia Clarke (o segundo nome dela é Isabelle... awn...). Mas, vamos lá! 

O figurino em tópicos: 

- estampas fofas
- casaquetos felpudos, estampados e etc.
- sapatos diferentões 
- bolsas fofas
- vestidos lady like (o que é o vestido do casamento? e o vermelho?)
- meias, com estampas ou listradas, de preferência




Penteados: 
- trancinhas (quando eu a vi o penteado que eu mais amo na vida... não, pera!)
- coque lateral baixo
- ondulado
- dois coques baixos (eu amava usar esse em casa!)
- duas trancinhas
- borboletas e florzinhas no cabelo

Ps.: O filme vai mostrando a maturidade dela também com os penteados... essa última cena, dela em Paris - muito linda por sinal - mostra ela sem as trancinhas, mas com "a" meia! (primeira foto aqui embaixo ó)





Alguns croquis... 





 Ah e pra quem ficou curiosa como eu em saber de onde são algumas peças, dá pra achar muita coisa nesse link aqui: http://onscreenstyle.com/2016/07/me-before-you-fashion-lou-clothes/


Espero que tenham gostado e tô doida pra assistir de novo! rs (tenho essa mania feia de ver mil vezes o mesmo filme que eu tenha amado). 

Beijos e tenham uma semana iluminada!
Bele. 

segunda-feira, 23 de maio de 2016

50 fatos sobre mim | Por Isabele Ribeiro



Oi, gente! Tudo bem?
Finalmente mais um vídeo! hahaha
E veio com uma tag bem youtuber, né? Pra vocês entenderem que vim pra ficar e enjoar vocês pra sempre no canal! Espero que seja mais uma forma de a gente se aproximar e se conhecer ainda mais.

Beijo enorme e uma semana iluminada,
Bele.

sábado, 21 de maio de 2016

Carta para Ana: sobre onde ela pode enfiar a "santa indignação" dela

Querida Ana, eu queria ser desbocada o suficiente para começar esta carta mandando você enfiar a sua "santa indignação" num lugar bem específico. Li sua postagem sobre a nova campanha da C&A e senti algumas coisas por você, dentre elas: pena, nojo e "indignação". Olha, como temos algo em comum, não é mesmo? 

Eu gostaria de te contar o quanto eu amo Deus e como ele se fez presente na minha vida em vários momentos, inclusive quando eu fiquei sabendo que o meu ex-namorado decidiu ficar com um namorado. Vou tentar ser breve, mas gostaria muito que você soubesse um pouquinho da minha história. Nós nos conhecemos quando tínhamos 12 e 16 anos. Criamos uma companhia de dança juntos, rodamos o país dançando, nos descobrimos sexualmente, nos descobrimos como pessoas e vivemos momentos incríveis juntos. Isso durou uns 7 anos. Foi quando decidimos nos separar, não nos gostávamos mais. Sabe o amor? Sim, eu o amo. Amo ver como hoje ele é feliz com o namorado dele, amo todos os meus amigos e amigas que decidem escolher alguém do mesmo sexo para casar e rezo todos os dias para que o amor seja pleno sobre todas as coisas mesmo diante desse caos, mesmo diante das suas palavras (nojentas). 

Não tenho como julgar sobre sua educação ou sobre as coisas que você viveu. Mas te digo, fique sempre atenta. Eu me permiti ficar sempre atenta, pois sou um ser humano e vez ou outra o preconceito é um bichinho que aparece e dá aquela mordidinha na gente. Na real, a gente tem medo do que é diferente do que a gente sempre vê no espelho todo dia. Uma menina negra com um black bem grande (e lindo), um cara sem uma perna na balada, uma mulher que tem vitiligo e até uma atriz que já esteja com suas ruguinhas e aparece na novela das nove já desperta algum comentário na sala "vixi, tá ficando velha, né?". 

É Ana, somos diferentes e isso é lindo, viu? É uma pena que você viva tanto tempo iludida achando que tem Deus no coração. Esse Deus aí definitivamente não é o mesmo que eu converso todos os dias em silêncio. Prometo que quando eu conversar com ele hoje, vou pedir pra que ele sussurre no seu ouvido sobre como o amor é lindo. Vou pedir pra que ele te mostre como "a verdade imutável da palavra" dele é exatamente: "ouse, misture". Vou pedir que ele te dê filhos homosexuais e heterosexuais pra que eles te ensinem o que é amor sob todas as formas.  

Eu aqui dos meus 25 anos tenho fé que você, aos seus 40, ainda tenha tempo pra repensar e amadurecer cada palavrinha feia que deixou registrada esses dias no Facebook. Ana, mulher, você é bonita, tem milhões de pessoas que te seguem, tem uma família, deixa de ser egoísta e deixa o povo ser feliz! Queria um dia poder te encontrar e te dizer tudo isso pessoalmente. Gostaria muito também de poder conversar com seus filhos, que devem ser mais maduros que você. Gostaria de não tomar mais um susto lendo uma postagem tão surreal (essa é a única palavra que me vem à mente) como a sua e que, infelizmente, reflete o que pensa uma pessoa que existe também fora das redes sociais (é surreal saber que existe).  

Por sorte, existem C&A´s com campanhas que nos mostram o amor real, existem Target´s que deixam os banheiros sob a escolha do gênero de quem o utiliza, existem histórias como a minha e como a do meu ex-namorado. Olha, estamos todos muito felizes, viu? Abre um sorrisinho, mulher, esse carão da foto não colou não. 

Um abraço e fique com Deus,
Bele.  

Ps.: Desculpem, não consegui tirar esse treco branco do texto, mas decidi postar mesmo assim. 

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Save the date: e vai ter Arraiá do Mercado Xique!


Olhem que coisa linda: já pode guardar a data na agenda, viu? Dia 5 de junho vai rolar o arraiá mais charmosinho da cidade! :)

Data: 05/06
Hora: 15h às 21h
Local: Pracinha Getúlio Vargas (Mini Golf, ao lado da OAB) - bairro São José
Paga pra entrar: não, é de grátis, fia!
O que vai ter: trio pé de serra, comidinhas típicas, amigos, família, casamento caipira, barraquinhas de brincadeiras e muitas surpresinhas bem boas!

Em breve soltamos todas as boas novas, mas por enquanto é só ir acompanhando lá no evento do facebook e no instagram: @mercado.xique 

sexta-feira, 6 de maio de 2016

A Alta-Costura mora no sertão

 O tempo, definitivamente, é coisa relativa no sertão. As mãos das bordadeiras fazem a gente, na nossa ousadia urbana, se perder na tentativa de acompanhar o bilro indo de um lado para o outro, quase como um balé. E até bem que parece ser um clássico de repertório não fosse o batuque acelerado da madeirinha que faz a renda de bilro nascer, lentamente, podendo levar até meses pra concluir uma peça.

Eu pude acompanhar esse espetáculo da cochia, quase como uma menina curiosa que fica repetindo os passos meio desajeitada, quase sempre fora do ritmo. E foi exatamente assim: embarquei com a Coutto Orchestra, banda sergipana ganhadora do Prêmio Natura Musical, que na construção do seu novo disco, o Voga (2016), levou uma equipe de tripulantes para um verdadeiro mergulho nas águas do Rio São Francisco.

Povoado de Entremontes, em Piranhas-AL, a parte do rio que mais que encantou... dá pra perceber o motivo?

Detalhes do ateliê Tenda de Mané de Santo

Eu embarquei junto a eles em busca de referências e inspirações para a construção do novo figurino, um desafio que levei na mala junto ao meu companheiro criativo João Hungria. Foram mais de 14 dias morando num barco, tomando banho de rio e lavando as roupas com sabão de coco. Dormíamos na beira de um povoado e amanhecíamos em outro. Passamos por mais de 20 localidades sempre com a sede de encontrar um novo personagem, uma nova história.

E assim acontecia, como se os atos fossem escritos ali mesmo. Seu Bossa, nosso comandante-querido-vô dava o sinal de que estávamos partindo, assim que acabávamos de comer o “quarenta”, uma receita secreta de cucuz que nos alimentava praticamente nas três refeições do dia. E a descoberta acontecia deliciosamente: o sertão tem ouro todos os (en) cantos. Ouro na quantidade de borboletas coloridas que encontrava pelo caminho e que resistiam, tão frágeis, naquele calor de torrar o cocoruco de uma branquela curiosa. Ouro nas rezadeiras que benzem com conselhos que revelam uma maturidade tão natural quanto o cheiro, o sol, as cores daqueles lugares. No sertão tudo se encaixa no seu tempo. E ai de quem tentar entender... ali (simples)mente se vive, se passa, se toca, se ri.   

Eu e João ajustando os moldes do colete  

Apresentando as ideias e croquis para as bordadeiras de Entremontes (Piranhas-AL)

Nas andanças tive uma pontinha de esperança: não morre aquilo que se vive num novo olhar. A cada atelier que entrei, um mundaréu de referências me tomava os olhos e dois personagens sempre em cena: o mestre e o aprendiz. Presenciar aquilo funcionava quase como um respiro sussurrando no meu ouvido: “Ei, essa memória vai continuar sempre viva, fique tranquila.” E como um deleite descobri a Tenda de Mané de Santo, em Porto da Folha -SE, onde se faz arte em couro. Seu Manoel (o mestre) e Kiko (o aprendiz). As ferramentas, agulhas, couro de bode, fita e a paciência de furo a furo construir um gibão, tão detalhado que mais parece ter saído de um atelier de Alta-Costura.  

E não é? Segundo a jornalista Camila Yahn, Alta-Costura é o que podemos chamar de moda exclusiva, feita à mão, com materiais de altíssima qualidade. O termo tem sindicato e é cheio de regras bem específicas como, por exemplo, empregar um staff em tempo integral de 15 pessoas.

 No Centro de Produção na Trilha do Cangaço, em Poço Redondo-SE, não encontrei uma equipe de 15 artesãs trabalhando na peça da nova coleção da Chanel, mas encontrei três mulheres, em estágios diferentes da vida, que ficam sentadas por horas construindo cuidadosamente uma libélula rendada em bilro. Eu sai de lá com a certeza de que o sertão é um grande balé clássico cheio de detalhes em seus figurinos inspirados na vida real de um povo que tem seu próprio tempo. Um espetáculo que estreia a cada entardecer, com um céu que presenteia o espectador e faz se perder no deleite das cores de dois arco-íris simultâneos num mesmo céu e uma dúzia de borboletas à beira rio. O Velho Chico assiste cansado, mas a memória do sertão estará sempre viva por cada curioso que lhe visite.  

* texto escrito por mim para a edição 26 da revista Ícone, um agradecimento especial ao querido Márcio Lyncoln pela confiança e carinho. 
Fotos: Melissa Warwick 

sábado, 23 de abril de 2016

Revistas impressas: vai e volta, vai ou volta?

A revista da gatinha, Capricho, fez parte da adolescência de mais de 90% das meninas. Era lá onde a gente lia sobre as coisinhas que estavam na moda, fazia aqueles testes engraçadíssimos e lia até sobre sexo. Acontece que no início de Abril do ano passado a editora Abril (ops, Abril, Abril... será místico-cabalístico?) mandou a notícia que abalou a nossa memória nostálgica: agora não seria mais impressa e estaria "apenas" no mundo virtual. 

Pois, Zé, é. A primeira revista feminina do Brasil não estava mais nas bancas e gente como eu, que ama papel, caderninhos, revistas, jornais e afins, estaria sem chão. Dramas à parte, estaríamos passando por um momento muito forte pro cenário da mídia (e das modas e de todo o mundo que se envolve numa revista). E Bele, porque diabos está falando disso só agora, tá doida, menina?

Tô não, o negócio é que comecei a perceber que não é o fim e o mundo online ainda não consegue invadir nossa vida por inteiro. Do outro lado do campo algumas coisas estavam se mexendo, caladinhas, uma delas era a Lagarta. Sim! Talvez você nem faça ideia, mas existem várias revistas online que tem seu público cativo á algum tempo, como eu sou da revista aLagarta, criada em 2010. 




Super feminina, e revista hoje faz o movimento contrário à Capricho: vai partir da mídia online para a mídia impressa através de uma campanha de crowdfunding. A campanha de financiamento colaborativo já está rolando e o lançamento está previsto para Junho desse ano. Eu espero ansiosamente.  

Na mesma onda surge a revista CAUSE, sob o comando da Letícia Cazarré (sim, impossível não falar, é mulher do ator Juliano Cazarré) que vem com uma proposta colaborativa e que traz uma pegada inteligente sem ser mimimi. Na segunda edição, Cauã Reymond na capa, editoriais incríveis e tudo o que se possa esperar de uma revista que nasce dentro de um coworking.



A onda é ser colaborativo, seja pra fazer acontecer ou... para fazer acontecer. É ser online, mas nem tanto, dar mais tempo pra se deliciar com o que vier de mais doce e mais fresh. Afinal de contas, o lado agri já temos de sobra, hein Brasil? Vamos fazer disso tudo um grande tempero agridoce e nos deliciar com o que vier de mais criativo pela frente.

   

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Decoração: casamento rústico e romântico

Esse casório foi feito com muito amor pela equipe do Mercado Xique para uma noivinha muito querida e que, por coincidência, é nossa amiga. Raíssa e Victor se casaram no dia 12 de abril, mas só agora tive tempo de parar pra postar pra vocês por aqui também (quem me acompanha no insta - @isabeleribeiro e no snap- mercadoxique já tinha visto rsrs). 

Desde que nos reunimos pela primeira vez a noiva já dizia que queria participar de tudo e assim foi: colocou a mão na massa e fez essas garrafinhas lindas, uma a uma. A ideia era uma festa com cara de feito à mão, nas cores azul e rosa, tons pastéis e muito amor nos detalhes, do jeito que a gente gosta. Nas mesas dos convidados nada mais que as garrafinhas com flores (astromélias e rosas deram o toque final), algumas mini suculentas, leques de madeira e guardanapos.  



Na mesa do bolo uma composição com os itens do nosso estúdio criativo misturados às coisas lindas da Dona Festa. Apenas dois vasos com arranjos e os docinhos que iriam compor a mesa...



Os lounges foram uma atração à parte, com o fusca que dava às boas vindas a quem chegava e os móveis de Zelito, com direito à mesinha de centro com detalhes fofos e almofadinhas. O cantinho das fotos e recados também ficou bem legal: um biombo, varal de fotos como lembrança para os convidados e mesinha com canetinhas e envelopes para recadinhos. No mesmo cantinho ficavam os bem casados na estante-escada. 






O bolo fez o maior sucesso e quebrou o clima super romântico da mesa, amamos! Para compor o painel de fundo da mesa escolhemos uma cortina de pisca piscas e vários balancinhos decorados com pequenos buquês de flores. O resultado final, à noite, foi esse aqui ó:  



E aí, curtiu?

Ficha técnica da festa: 

Decoração: Mercado Xique - estúdio criativo (79 99156-9600 - Julliana Samara)

Iluminação: Nicolau (79 99902-0728)
Mobiliário: Fragmentos Antiguidades (79 3211-2568) e Seleto (79 3246-5801)
Objetos: Dona Festa Locações (79 3217-0000)
Cerimonial: Mari (79 99883-4498)
Local: Vila Verde (79 3227-1690)

segunda-feira, 14 de março de 2016

Lollapalooza Brasil 2016 pra quem ficou em casa babando, como eu









Tenho algumas coisas a dizer sobre o Lollapalooza Brasil 2016: 

1. A nossa sergipana The Baggios subiu ao palco e fez nosso coraçãozinho ficar (mais) cheio de orgulho. E não teve queda de energia que mudasse isso. 
2. Cabelo hit 1: tancinhas laterais embutidas. Julia Faria, Thayla Ayala e um monte de meninas antenadas aderiram. Danadinhas.  
3. Cabelo hit 2: coques laterais, enroladinhos e altos, de preferência. Outras danadinhas.
4. Botinhas, muitas delas e capas de chuva também. 
5. Dos que eu assisti (no Multishow mesmo): Marina and the Diamonds, uma fofa (mesmo um ano atrasada, rs), figurino e projeções bem legais e danada que ganha o palco. Eu não conhecia, desculpem, e curti!
6. Diversidade: gênero pra quem? Se já estamos cada vez mais livres, imagina num festival incrível como esse. Amo saber que os caretas estão cada vez mais confusos com os que sabem que podem ser quem quiser no mundo.     


  

Foto: instagram.com/juliafaria



Fotos: I Hate Flash

domingo, 13 de março de 2016

Look do dia: total jeans + Coletivo Abrigo







Eu e minha sis-fotógrafa-Juju mais conhecida como Julia Duarte, rs, sempre nos desafiamos quando o assunto é fotografar look do dia. Isso tem alguns motivos, um deles é que estamos sim um pouco cansadas dessa história de look do dia, sabe? Então decidimos nos desafiar a sempre tentar fotografar um look em algum lugar onde a gente possa contar uma história além da roupa. Sim, a roupa fala muito por mim e não estou aqui diminuindo a sua importância que é gigante pra todo mundo (até pra quem não acha que ela é significativa) mas apenas tornando o momento de compartilhar uma forma de expressão (o estilo) ainda mais legal. 

Foto: Vinicius Chukro

Foto: Vinicius Chukro
Dessa vez estávamos na Orla de Atalaia, aqui em Aracaju, e encontramos um novo ponto ônibus na beira da avenida. Um afago pros nossos olhos curiosos: perto do asfalto, um gradil cor de rosa, algumas cadeiras quase como em casa de vó e prateleiras de livros. Quase como um convite pra papear na varanda daquela vizinha querida, sabe? E tem até azulejo e flor na janela... é só olhar com cuidado pros detalhes em estêncil. Um afago, um respiro... para os olhos de quem passa e para a cidade.    

A ideia foi desenvolvida pelo Coletivo Abrigo, que quer fazer exatamente o que gerou em mim: "estimular uma reflexão sobre o cotidiano das cidades em relação ao lixo e à preservação do meio ambiente". E assim nasceu esse ponto de ônibus com cara de varandinha de interior, instalado agorinha no início de março, o ponto móvel (olha as fotos dele chegando, teve até música!) foi construído com os materiais que Wagner, o criativo, acha nas ruas.     












Calça e camisa jeans: Toli
Sapato: Arezzo
Bolsa: garimpada no centrão, naquelas lojas dos coreanos, hehe

Fotos: Julia Duarte  

Vitrine

Mercado Xique Blog

www.mercadoxiqueblog.com | Copyright - Todos os direitos reservados | All rights reserved

Join Us